Assimagra

Portuguese Mineral Resources

III INTERNATIONAL WORKSHOP-CUM-SEMINAR IN ANTURAL STONES AND CONSERVATION OF HERITAGE STONES

O Planeta detém uma variedade de pedras com um elevado valor patrimonial, que contribuem para a diversidade da paisagem cultural, arquitetónica, arqueológica e histórica dos diferentes países. Estas pedras, refletindo a riqueza geológica das diferentes regiões, têm sido essenciais para a construção de monumentos e estruturas icónicas ao longo da história. Para preservar e documentar o valor patrimonial das pedras, tendo como propósito principal sustentar o património cultural e promover uma compreensão mais profunda sobre o mesmo, a International Union of Geological Sciences - International Commission on Geoheritage - Heritage Stones Subcommission (IUGS-ICG-HSS) tem vindo a trabalhar no reconhecimento de pedras naturais com significado histórico e cultural, utilizadas em monumentos arquitetónicos.


Este é o mote do Ill Internacional Workshop-cum-Seminar on Natural Stones and Conservation of Heritage Stones que decorre na India (Jaipur-Makrana-Agra), entre os dias 1 e 6 de dezembro, sob a égide da @IUGS-ICG-HSS e UNESCO-IGCP, promovido pela Panjab University, Chandigarh (Chandigarh).
A Assimagra - Recursos Minerais de Portugal associa-se a este debate, apresentando em conjunto com o LNEG - Laboratório Nacional de Energia e Geologia, I.P., a Associação Portuguesa de Geólogos e a ACPMR - Associação Cluster Portugal Mineral Resources, alguns dos trabalhos desenvolvidos em Portugal para aumentar o conhecimento geológico, uso e conservação de pedras naturais portuguesas com importância histórica.


Portugal tem atualmente 3 rochas ornamentais reconhecidas como Heritage Stones: o Calcário Lioz (Sintra), a Brecha da Arrábida e o Mármore Estremoz. Está em curso o processo de reconhecimento de três novas rochas ornamentais portuguesas, designadamente, a Pedra de Ançã, o Granito do Porto e o Calcário Jurássico do Maciço Calcário Estremenho.

 

 

FaLang translation system by Faboba