Assimagra

Portuguese Mineral Resources

MUSEU NACIONAL DOS COCHES RECEBE OS TRABALHORES QUE DERAM VIDA ÀS 74 PEÇAS DA EXPOSIÇÃO PRIMEIRA PEDRA

A Primeira Pedra, no Museu dos Coches, é um projeto feito de pessoas, com pessoas e para as pessoas. Foram mais de 500 e todas estas contribuíram para que o projeto fosse consolidado e chegasse onde chegou, tornando o cenário desejado, realizável. Assim sendo, e para honrar todos os envolvidos, a Assimagra convidou as 30 empresas do projeto para visitar a exposição e conhecer mais profundamente o trabalho de todos e os resultados insurgidos pelo trabalho de cada um. As primeiras empresas a visitar a exposição começaram este mês de agosto e em setembro continuarão as seguintes visitas.

Nesta que foi uma das maiores iniciativas de sempre no trabalho de promoção do setor da pedra natural portuguesa, a humanização foi a alavanca principal para todos os desenvolvimentos e imagem do projeto. Aliás, como já revelado ao público anteriormente, a exposição conta com 74 obras originais em pedra portuguesa desenhadas por 36 autores de 15 países e são feitas pela indústria e artesãos nacionais, com representação de pedras advindas das mais variadas regiões do país. Destes, são 30 as empresas participantes: Airelimestones,  Ardósias Valério e Figueiredo, AGF, Comármore, Dimpomar, ETMA, Ezequiel Francisco Alves, Farpedra, Fátima Stones, Formas de Pedra, Gárgula Gótica, Grupo Ferrar, Joaquim Duarte Urmal & Filhos, Julipedra, LSI Stone, Marfilpe, Marmocazi, Mármores da Granja, Mármores Galrão, Mocapor, Moca Stone, MVC-Mármores de Alcobaça, Pedramoca, Pedra Secular, Polimagra, Roufimar, Solancis, Solicel, Solubema e, por último mas não menos importante, Transgranitos.

As pessoas foram a parte fundamental para todo o projeto. Desde a extração, à transformação, logística e à comunicação, todas estas áreas estão representadas e repartidas pelos colaboradores de cada uma destas empresas, recriando a dinâmica e as perspetivas entre os criadores e os produtores de cada obra. A linha de pensamento é mantida por quem faz acontecer e, por isso, as congratulações e todo o mérito será sempre de todos esses.

A exposição Primeira Pedra e o ilustre complexo museológico do Museu dos Coches fazem a perfeita fusão entre uma multiplicidade de diálogos entre passado, presente e futuro, aproveitando também o espaço da melhor maneira, quer na grande praça, quer nos espaços interiores. Depois de ter passado por outras cidades mundiais, como Londres, Milão, São Paulo ou Nova Iorque, em alguns dos mais importantes museus, instituições ou eventos, a Primeira Pedra é relevada pela primeira vez em Lisboa na sua totalidade, ao lado daquela que é a maior coleção de coches do mundo.

Não deixe de visitar as 74 peças, expostas no interior e exterior no Museu Nacional dos Coches, de terça-feira a domingo, entre as 10h às 18h.

Este é um projeto financiado por apoios comunitários, Compete2020/Portugal2020.

Para mais informações sobre a exposição, consulte aqui.