Assimagra

Recursos Minerais de Portugal

CONFERÊNCIA INTERNACIONAL ABORDA SUSTENTABILIDADE E GOVERNANÇA PARA PME EXPORTADORAS

A Secretaria de Estado da Internacionalização, em parceria com a AICEP - Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal, irá realizar uma Conferência Internacional sobre práticas ambientais, sociais e de governação (ESG) para PME Exportadoras. O evento ocorrerá no dia 25 de setembro, às 09:00h, na Fundação Calouste Gulbenkian em Lisboa.

O principal objetivo da conferência é sensibilizar e apoiar as Pequenas e Médias Empresas (PME) Exportadoras na adoção de práticas ESG. A iniciativa surge em resposta à transposição da Diretiva de Reporte de Sustentabilidade Corporativa (CSRD) aprovada pela Comissão Europeia em dezembro de 2022, a qual aguarda a publicação do regulamento final, o qual irá estabelecer as regras e métricas destes instrumentos de reporte. Para além disso, a conferência pretende preparar as empresas para um conjunto de novos padrões e regras sobre relatórios de sustentabilidade que serão anunciados em 2024 e que se irão tornar obrigatórios a 1 de janeiro de 2027.

O evento contará com um vasto painel de oradores nacionais e internacionais que abordarão temas como o quadro geral ESG, desenvolvimentos recentes na Europa e no mundo, e as respetivas implicações dessas mudanças para as empresas. Também serão discutidas as correlações positivas entre práticas ESG e o bom desempenho global das empresas, bem como as ferramentas disponíveis para auxiliar no processo de transição para modelos de negócios mais sustentáveis.

A estratégia de ESG está alinhada com o Regulamento Sustainable Finance Disclosure Regulation (SFDR) e as Diretivas Corporate Sustainability Due Diligence (CSDD) e Corporate Sustainability Reporting Directive (CSRD) da União Europeia. O calendário de implementação dessas diretrizes começa em janeiro de 2024 para o setor financeiro e grandes empresas.

Importância para as Empresas Portuguesas
A adoção de critérios ESG é uma condição crescente para o acesso ao mercado internacional e cadeias de valor globais. A obrigatoriedade de demonstração de alinhamento com as exigências de ESG é já uma realidade em vários países, e também em Portugal a adoção destes critérios será uma condição de acesso ao mercado internacional e cadeias de valor mundiais.

Para mais informações e inscrições, clique aqui.

Para mais informações, entre em contato com a AICEP ou a Secretaria de Estado da Internacionalização. Não perca esta oportunidade de preparar a sua empresa para um futuro mais sustentável e competitivo.

FaLang translation system by Faboba